Após matar vítima a facadas, homem que agredia mulher é preso e vai para a UTI após ser espancado por populares

Caso ocorreu na noite de sábado, 20, no Setor de Oficinas do Guará II

Continua na UTI do Hospital de Base F.B.O, de 34 anos. Ele foi preso no último sábado por volta das 23h, no SRIA II AE 2A CJ H, em via pública em frente ao Centro Automotivo Ômega, no Guará II. Ele foi preso pela suspeita de prática de homicídio qualificado pelo motivo fútil, após, segundo populares, ter desferido uma facada no peito de Weberson Dias dos Santos, de 32 anos. Consta que momentos antes do crime Weberson teria tentado defender a esposa de F.B.O, que era agredida por ele. Após, o fim do conflito, Weberson foi até F.B..O. para lhe pedir desculpa, momento em que o autor lhe deferiu uma facada no peito, que o levou a óbito.

De acordo com o apurado, F.B.O fugiu do local, mas foi perseguido por conhecidos da vítima, que o agrediram e causaram-lhe lesões, razão pela qual encontra-se em estado grave na UTI do hospital de Base. A faca usada no crime não foi localizada. O suspeito responderá pelo crime de homicídio qualificado pelo motivo fútil, previsto no artigo 121, §2º, II, Código Penal, com Penas de 12 a 30 anos de reclusão).

Fonte: Blog do Amarildo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Enviar Mensagem