Briga e morte no Polo de Moda

Rapaz de 24 anos, procurado pela polícia, tenta correr de agressores, cai, bate cabeça e morre

As notícias que corriam nas redes sociais informavam que teria havido um tiroteio no Polo de Moda durante a noite de sábado para domingo (9 e 10 de outubro) durante uma briga entre gangues, com uma morte. Moradores relatavam que teriam ouvido tiros de arma pesada.
A 4a Delegacia de Polícia esclarece que não houve tiroteio. Os tiros foram disparados por um policial militar aposentado, que estava lanchando com seu filho num dos quiosques d Parça da Moda. Quando viu alguns homens agredindo outro nas proximidades da sorveteria Nosso Sabor, ele atirou para cima com o objetivo de dispersar o grupo e evitar que a vítima continuasse sendo agredida. O policial foi ouvido pela polícia e confirmou as informações.

Queda e morte

Mas a intervenção do policial não foi suficiente para evitar a morte de Daniel Rodrigues dos Santos, 24 anos, que, ao correr, bateu a cabeça no asfalto, sofreu traumatismo e morreu no Hospital de Base, para onde foi levado pelo Corpo de Bombeiros.
De acordo com a 4a DP, Daniel tinha várias passagens pela polícia, por crimes de roubo e furto. Ele inclusive estava com mandado de prisão em aberto por ter cometido um roubo (com arma) no Polo de Moda e era considerado foragido.

Fonte: Jornal do Guará

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Enviar Mensagem